Climatempo

Climatempo Meteorologia

Obter
publicidade

Previsão de neve no Sul é confirmada

14/07/2016 às 19:20
por Josélia Pegorim

Atualizado 15/07/2016 às 22:51

A Argentina, o Uruguai e o sul do Paraguai já estavam bastante frios na noite desta sexta-feira, 15 de julho indicando a presença da nova massa de ar polar que avança com força para o Brasil no fim de semana. Espera-se uma brusca queda da temperatura especialmente durante o domingo, 17 de julho, não apenas no Sul, mas também em áreas do Sudeste e do Centro-Oeste.

Mas no Sul do Brasil, o frio chega primeiro e mais forte, como sempre, e a segunda quinzena de julho começa congelante e com possibilidade de voltar a nevar nas regiões serranas do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.

Todas as simulações de ocorrência neve feitas em supercomputadores da sexta-feira, 15 de julho, em diversos horários, confirmaram a possibilidade do fenômeno entre a tarde ou noite do dia 16 e a madrugada e manhã do dia 17 de julho. Nos mapas, a  mancha azul indica a região onde poderia haver queda de neve neste período.

 

A expectativa é que ocorra chuva congelada ou neve granular e até mesmo alguns floquinhos de neve, mas nada comparável ao que ocorreu em 2013, quando nevou diversas vezes de forma generalizada sobre o Sul do Brasil. Nevou até no fim de agosto, o que não é comum.

A possibilidade de queda da neve entre os dias 16 e 17 de julho vem sendo apontada pelos modelos de previsão de neve desde o início da semana, o que reforça a confiabilidade.

A imagem é da neve em São Joaquim, em Santa Catarina, em 27 de agosto de 2013.

 

 

 

 

A atmosfera sobre o Sul já está fria, mas vai esfriar mais com a entrada da nova massa de ar polar. A umidade para formar as nuvens que poderão provocar neve virá com os ventos de um ciclone extratropical que estará passando pela costa do Rio Grande do Sul.

 

 No Canal Inverno: conheça alimentos que ajudam a prevenir doenças no frio

 

Este ano já tivemos dois eventos de neve. O primeiro foi durante a super onda de frio do fim de abril e do início de maio, que interrompeu a onda de calor que o Brasil vivia. O segundo evento de neve foi mais surpreendente, porque ocorreu em cidades serranas do Rio Grande do Sul de menor altitude, como Caxias do Sul e Gramado.

 

Confira as informações da neve granular de 10 de junho de 2016 na região serrana do Rio Grande do Sul.

 

 

Relembre a neve da primeira grande onda de frio de 2016, no fim de abril, em São Joaquim, Santa Catarina.

 

 

 

- Conheça o canal especial de inverno 2016