Sul com risco de chuva forte

25/01/2017 às 11:24
por Maria Clara Machado

Oferecimento
Ventania provoca destelhamentos na Grande Florianópolis

Voltou a chover forte em diversas áreas do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e do Paraná. O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) registrou 51 mm de chuva em Morretes, no litoral paranaense, entre às 10 horas de terça e às 10 horas desta quarta-feira (25). Desse total, 38,6 mm caiu apenas uma hora na tarde de terça. 


No Rio Grande do Sul, o maior volume de chuva foi em São Vicente do Sul com 38,4 mm observado no mesmo período. Em Santa Catarina, o maior acumulado foi 41,2 mm em Bom Jardim da Serra, também registrado pelo INMET. 

Na Grande Florianópolis, um temporal com rajadas de vento que chegaram a 87 km/h, provocaram estragos no início da noite desta terça-feira. A Defesa Civil de São José, reportou queda de árvores e postes no centro histórico. Um ginásio de esportes ficou destelhado. Foram 15 destelhamentos no total na cidade, mas apesar do danos não houve feridos. Em Palhoça, também na região metropolitana, a ventania provocou destelhamentos.  


O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (CEMADEN), registrou 20,2 mm de chuva em Palhoça (Pagani), 20,9 mm em Florianópolis (Coqueiros) e 23,5 mm em São José (Distrito Industrial), no período de 24 horas, entre às 10 horas de terça e às 10 horas desta quarta-feira.  

Sul continua com risco de chuva forte 

A presença de um cavado e um novo sistema de baixa pressão atmosférica, que já atua ao largo do Rio Grande do Sul, estimula o aumento da umidade e a formação de grandes áreas de instabilidade. A parte centro-norte gaúcha, o estado de Santa Catarina e o Paraná permanecem em alerta para chuva forte e volumosa nesta quarta-feira. A chuva em forma de temporais vem acompanhada novamente por ventos fortes

Principalmente no litoral gaúcho, os ventos são mais frequentes devido a presença da baixa pressão ao alto mar. As rajadas de vento podem passar de 60 km/h. 

Mais chuva na quinta-feira

Na quinta-feira (26), a área de baixa pressão atmosférica se intensifica e mais nuvens carregadas se formam. O norte e noroeste do Rio Grande do Sul, áreas de Santa Catarina e do Paraná, ainda poderão ter chuva forte. 


Até o final da semana o leste do Paraná e o Vale do Itajaí, em especial, devem acumular um grande volume de chuva, acima de 100 mm. Veja no mapa: 


Veja como monitorar tempestades e raios com o SMAC



CIDADES RELACIONADAS

Florianópolis - SC

21°
min

30°
max

2mm / 90%

Floriano - RJ

22°
min

30°
max

45mm / 90%

FASES DA LUA

  • Nova
    15/02
  • Crescente
    23/02
  • Cheia
    31/01
  • Minguante
    07/02

ESTAÇÕES DO ANO

  • Verão
    21/12
  • Outono
    20/03
  • Inverno
    21/06
  • Primavera
    22/09