Temporais no fim de semana sobre o RS

07/04/2017 às 16:45
por Josélia Pegorim

Atualizado 08/04/2017 às 16:42

Oferecimento
Há risco de ventania

Fortes áreas de instabilidade se formam sobre o norte e leste da Argentina no fim de semana e avançam sobre o Sul do Brasil provocando pancadas de chuva nos três estados. Mas a maior preocupação é com o Rio Grande do Sul que entra em alerta para temporais.

 

Os maiores acumulados de chuva neste Sábado:

São Luiz Gonzaga (INMet): 50mm

Santana do livramento (INMet): 36mm

Ijuí (CEMADEN): 31mm

São Borja (CEMADEN): 30mm

Quaraí (INMet): 28mm

Santa Rosa (INMet): 23mm

 

Chuva volumosa

O mapa mostra o volume de chuva estimado para o Sul do Brasil para um período de 5 dias, até 12 de abril. As manchas verdes sobre o Rio Grande do Sul representam volumes iguais ou maiores do que 100 mm acumulados em cinco dias.

 

 

 

 

A concentração de chuva indica que o Rio Grande do Sul terá pancadas de chuva mais fortes e mais frequentes do que Santa Catarina e Paraná.

O Rio Grande do Sul fica sujeito a temporais no sábado, no domingo e na segunda-feira. Já Santa Catarina e Paraná terão algumas pancadas de chuva com raios o fim de semana, mas que não devem ser muito fortes e nem serão generalizadas. Mas na segunda-feira pode chover forte nestes estados.

Confira a previsão para o Sul do Brasil

 

 

 

 

Baixa pressão

O que vai gerar as fortes áreas de instabilidade sobre o norte e o leste da Argentina é passagem de um forte sistema de baixa pressão atmosférica em níveis baixos e médios da atmosfera. A acentuada queda da pressão do ar vai gerar um ciclone extratropical. O processo de formação deste ciclone e seu deslocamento vai provocar ventania e chuva forte no Rio Grande do Sul e também sobre o norte e centro-leste da Argentina e sobre o Uruguai, podendo afetar as capitais Montevideo e Buenos Aires. O fim de semana é de alerta também para estes países.

Nos mapas, a letra B representa o centro do sistema de baixa pressão atmosférica. Entre o sábado, 8, e a segunda-feira, 10, o sistema se movimenta do norte da Argentina para o mar, mas passando entre Buenos Aires e Montevideo.

 

 

 

 

Por estar mais próximo deste forte centro de baixa pressão atmosférica, o Rio Grande do Sul sentirá maior influência deste sistema. O estado já teve ventania e chuva forte no fim de semana passado e volta ser afetado por outra situação tempo severo neste fim de semana. As rajadas de vento mais intensas podem alcançar velocidades em torno dos 90 km/h.

 

Entenda o que faz o sistema de baixa pressão e uma alta pressão atmosférica

NOTÍCIAS DOS USUÁRIOS

por Allison Pires dos Santos
06/11/21 às 08:09

chuvarada

tarde de muita chuva e alagamentos em slz

por Rafael Oliveira
06/03/21 às 07:36

Frio em Curitiba!

Noite de frio em Curitiba!
Tarde com sol

por Santos Albuquerque
06/03/21 às 02:18

Tarde com sol

Calor na Capital
ENVIE SUA FOTO OU NOTÍCIA