Rio de Janeiro esquenta de novo antes de esfriar

30/05/2017 às 16:00
por Josélia Pegorim

Atualizado 30/05/2017 às 16:32

Oferecimento
Frente fria chega ao RJ na quinta

Algumas áreas do Grande Rio ainda podem amanhecer com névoa e céu nublado nesta quarta-feira, mas não com o denso nevoeiro que prejudicou muito a visibilidade nos aeroportos por três dias consecutivos. A previsão é que a névoa se dissipe rápido deixando o sol aparece até o meio da manhã.

 

 

A quarta-feira será com predomínio de sol e não há expectativa de chuva para o estado do Rio de Janeiro. Com o sol e os ventos quentes que voltam a soprar sobre o estado do Rio De Janeiro, a temperatura sobe também na cidade do Rio de Janeiro e a sensação de calor predomina nesta quarta-feira. A quinta-feira também será quente, mas já com previsão de pancadas de chuva a partir do fim da tarde. 

 

Frente fria forte

Uma grande e forte fria começa a avançar sobre o Brasil nesta quarta-feira, 30. Na quinta-feira, 1 de junho,esta frente fria provoca chuva no Grande Rio e em várias áreas do centro-sul do estado Rio de Janeiro. A temperatura cai bastante na sexta-feira, 2 de junho na cidade do Rio e em todo o estado do Rio de Janeiro. O frio persiste no fim de semana. Veja como fica a temperatura na cidade do Rio.

 

RJ registra menor temperatura no Brasil em 30/5/17

 

Nevoeiro no Rio de Janeiro

Pelo terceiro dia consecutivo, a cidade do Rio de Janeiro amanheceu encoberta por um denso nevoeiro nesta terça-feira, 30 de maio, que prejudicou a visibilidade em nos aeroportos e sobre a baía da Guanabara prejudicando a travessia das barcas que fazem a ligação entre o Rio de Janeiro e Niterói.

O aeroporto Santos Dumont tinha visibilidade praticamente nula por volta das 6 horas da manhã. No aeroporto internacional Tom Jobim e no Jacarepaguá, a visibilidade às 6 horas era de 300 metros.

Além da cidade do Rio de Janeiro, o nevoeiro foi forte também sobre a região dos Lagos afetando a região de Cabo Frio e de São Pedro da Aldeia. O aeroporto de Cabo Frio ficou com apenas 100 metros de visibilidade no pior momento, por volta das 9 horas da manhã desta terça-feira. Em São Pedro da Aldeia, a visibilidade baixou para 500 metros.

O nevoeiro nos últimos dias sobre o Rio de Janeiro foi associado a uma forte inversão térmica que se formou por causa da a presença de um forte sistema de alta pressão atmosférica que vem atuando sobre a Região Sudeste desde o fim da semana passada.

Este sistema de alta pressão já está enfraquecendo sobre o Sudeste e a chance de uma inversão térmica forte diminui bastante.

 

O que é o nevoeiro?

 

 

As fotos mostram o denso nevoeiro na manhã de 30/5/17 em diferentes locais da cidade do Rio de Janeiro

 

Barra da Tijuca

 

 

 

Copacabana, Posto 5

 

 

 

 

Copacabana, Posto 6

 

 

 

 

Grajaú 

 

 

 

Região do aeroporto Santos Dumont

 

 

 

Estrada para o aeroporto Tom  Jobim

 

 

Avenida Niemeyer

 

 

 

CIDADES RELACIONADAS

Rio de Janeiro - RJ

13°
min

29°
max

0mm / 0%