Friagem e novo recorde de frio em Rio Branco (AC)

21/06/2017 às 12:21
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Sul do Amazonas registra menos de 15°C

A cidade de Rio Branco, capital do Acre, começou o inverno de 2017 sentindo uma forte friagem e batendo recorde de frio pelo segundo dia consecutivo.

 

O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 13,6°C de temperatura mínima em Rio Branco na madrugada desta quarta-feira, 21 de junho. O recorde anterior de 14,3°C e foi registrado ontem.

A friagem vem sendo sentida no Acre, em Rondônia e no sul do Amazonas desde a tarde da segunda-feira, 19 de junho, quando o ar polar começou a influenciar estas regiões. Nesta quarta-feira, a região de Epitaciolândia, no Acre, registrou 12,8°C. No sul e sudeste do Amazonas, o Instituto Nacional de Meteorologia registrou 14,4°C em Boca do Acre e 16,8 °C em Humaitá. Em Rondônia, a temperatura mínima em Vilhena hoje foi de 14,7°C, mas ontem fez 12,6°C.

 

O ar polar se afasta de vez do sul da Região Norte nesta quinta-feira e a temperatura sobe rapidamente voltando ao seu padrão normal. 

 

O que é a friagem?

A friagem é um fenômeno meteorológico caracterizado pela queda da temperatura provocada especificamente pela passagem de ar polar e não pela chuva, por exemplo. Friagens acontecem todos os anos no outono e no inverno na região entre o sul do Amazonas, o Acre e Rondônia e podem variar de intensidade. Uma das friagens mais intensas em 20 anos ocorreu no inverno de 2013. Em 25 de julho de 2013, a temperatura mínima em Rio Branco foi de 9,1°C, pela medição oficial do Instituto Nacional de Meteorologia. No dia 24 de julho de 2013 fez 9,3°C. Pelos registros do INMET, a menor temperatura em Rio Branco desde 1961 foi de 2,6°C em 6 de maio de 1996. Durante a histórica onda de frio de julho de 1975, a capital do Acre registrou 6,0°C no dia 19 de julho de 1975.

CIDADES RELACIONADAS

Rio Branco - AC

19°
min

33°
max

0mm / 0%