Algo especial no tempo gelado e maluco do Rio de Janeiro

03/07/2017 às 22:11
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Eles coloriram a gelada tarde na baía da Guanabara

O Grande Rio, e praticamente todo o estado do Rio De Janeiro, está sentindo a infiltração de bandas de nuvens que avançam do mar para o continente e eventualmente provocam chuva fraca ou no máximo com moderada intensidade. São nuvens de pouca extensão vertical e não geram raios. Às vezes nem provocam chuva, mas deixam partes do céu nublado.

 

 

Na imagem de satélite das 15 horas de 3 de julho de 2017 (18:00 Z ou UTC) essas bandas de nuvens baixas aparecem como manchas esverdeadas sobre o mar e sobre o estado do Rio de Janeiro, avançando também para Minas Gerais, sobre o Espírito Santo e pelo leste de São Paulo.

 

 

 

 

Estas nuvens vão persistir sobre o mar, na costa da Região Sudeste, durante toda a semana e por isso o Grande Rio vai passar vários dias ainda com o "tempo maluco", com sol, chuva, nuvens cinzas e brancas, pedaços de céu azul, tudo ao mesmo tempo. Assim, quem estiver na cidade do Rio de Janeiro, e em outros locais do Grande Rio esta semana, não deve estranhar o sol e céu azul de um lado e a chuva e o céu cinza do outro. Pode até aparecer outro arco-íris!

 

Ar polar

A formação das nuvens que estão sobre o estado do Rio de Janeiro é um dos efeitos da forte e enorme massa de ar polar que chegou ao Brasil neste início de julho gelando também o Rio de Janeiro. A tarde do domingo, 2 de julho, foi a mais fria do ano até agora e madrugada desta terça-feira pode se com recorde de frio. Com ou sem recorde, o vento gelado gerado por esta forte massa de ar polar vai soprar sobre o estado do Rio de Janeiro durante toda a semana. A combinação do vento frio frequente com o excesso de nuvens e chuva ocasional vai dificultar muito o aquecimento do ar, mesmo com o sol aparecendo em vários momentos. No fim da semana, a disputa será vencida pelo ar polar e a temperatura fica baixa. A sensação de frio será sentida em todo o estado do Rio.

 

 

 

"Maravilhas do tempo maluco do Rio"

Foi assim que um dos meteorologistas da Climatempo que estava na cidade do Rio definiu o fantástico arco-íris que se formou na tarde de 3 de julho de 2017. Não um, mas dois arco-íris, o chamado arco-íris duplo. Era a primeira vez que ele via um duplo inteiro, daquele jeito!  E que estreia! Eles coloriram aquela tarde gelada e nebulosa na baía da Guanabara.

O primeiro arco-íris, mais próximo, tem as cores mais fortes e a ordem obedece a regra: Vermelho LA VAI Violeta. O segundo, mais distante e com as cores mais fracas tem a ordem das cores invertida em relação ao primeiro.

O ponto de vista é de quem está na ilha de Paquetá olhando em direção a São Gonçalo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#fotografeotempo

Tem sempre alguma coisa no céu para contar a história do seu dia

Participe!

seu vídeo pode ser divulgado no nosso canal do Youtube, no site e nas redes sociais. É só gravar a condição do tempo e mandar para o nosso Whatsapp: 11 9 9420-7548.

Um meteorologista para satisfazer a sua curiosidade! Confira em  #pergunteaometeorologista

 

 

Entenda como se forma um arco-íris duplo

  

Tempo maluco

O "tempo maluco" comentado pelo meteorologista é uma condição de grande variação de nebulosidade, ora sol entre muitas nuvens, ora nublado com chuva, de um lado tem sol, no outro chove e de outro tem sol, chuva e arco-íris!

 

Recordes de frio à vista em várias capitais brasileiras

 

 

CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP

14°
min

26°
max

0mm / 0%

Rio de Janeiro - RJ

13°
min

29°
max

0mm / 0%