Rajada de vento de quase 100 km/h em cidade mineira

22/01/2019 às 22:33
por Josélia Pegorim

Oferecimento
Temporais de verão causam chuva forte e ventania em todas as regiões do país

Além de chuva forte e volumosa e de raios, as rajadas de vento muito fortes são fenômenos que ficam mais frequentes nos meses de verão. Todos podem ser causados por uma nuvem do tipo cumulonimbus, que se forma diariamente por quase todo o país por causa do ar quente e úmido que predomina no Brasil nesta época.

 

A passagem de frentes frias pelo litoral do Sul e do Sudeste e o relevo local facilitam a formação destas nuvens.

Foi o que ocorreu nesta terça-feira, 22 de janeiro, em vários locais do Brasil, mas especialmente na Região Sudeste.

Nuvens muito carregadas se desenvolveram sobre o leste de São Paulo, Rio De Janeiro, entre o Sul de Minas Gerais, a Grande Belo Horizonte e a Zona da Mata Mineira por causa do calor, da umidade do ar elevada e também da passagem de uma frente fria em alto-mar, ao largo do litoral de São Paulo e do Rio de Janeiro.

 

Temporais são comuns nesta época e vão continuar ocorrendo em todas as Regiões do país nas próximas semanas.

Saiba como se forma a grande nuvem dos temporais

 

 

Confira alguns dados meteorológicos extremos que ocorreram no Brasil em 22/1/19 de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia

 

Rajadas de vento

Oliveira (MG): 93 km/h entre 17 h e 18h;

São Paulo (SP): 87 km/h, Campo de Marte, às 15 horas;

Bambuí (MG): 81 km/h entre 19h e 20h;

Divinópolis (MG): 78 km/h entre 18h e 19h;

Dores do Indaiá (MG): 72 km/h entre 20h e 21h;

 

Chuva acumulada em 1 hora

Dores do Indaiá (MG): 49,0 mm entre 20h e 23h;

Castanhal (PA): 45,4 mm entre 19h e 20h;

Epitaciolândia (AC): 37,4 mm entre 19h e 20h;

Itapoá (SC): 34,8 mm entre 2h e 3h;

Oliveira (MG): 30,0 mm entre 17h e 18h;

 

 

Foto de Leandro Tomé Azevedo, Jundiaí (SP)



CIDADES RELACIONADAS

São Paulo - SP


min

13°
max

0mm / 0%

Rio de Janeiro - RJ

11°
min

19°
max

5mm / 90%