Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Sensação térmica pode chegar a 10°C em São Paulo hoje

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Foto: iStock

5 min de leitura

 

A primeira onda de frio mais intensa de 2021 veio com força e derrubou as temperaturas nesta quinta-feira no Sul e em parte do Centro-Oeste.  As capitais Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Cuiabá (MT) e Campo Grande (MS) tiveram a tarde mais fria do ano até agora. Mas o frio aumenta nesta sexta-feira no Sul e no Centro-Oeste, chega a Rondônia e ao Acre e avança sobre São Paulo e Rio De Janeiro. Novos recordes de frio podem ser batidos!

 

Recordes de tarde mais fria do ano ocorridos em 6/5/2021

Confira os recordes de menores temperaturas máximas deste ano, até agora, em algumas capitais registradas pelo INMET - Instituto Nacional de Meteorologia

 

Porto Alegre (RS): temperatura máxima de 16,9ºC (recorde anterior: 19,0°C em 5/5/21), 

Florianópolis (SC):  temperatura máxima de 19,1ºC (recorde anterior: 22,1°C em 21/4/21l)

Cuiabá (MT): temperatura máxima de 25,3°C (recorde anterior: 27,4°C em 26/4/21l)

Campo Grande (MS): temperatura máxima de 20,4°C (recorde anterior: 24,4°C em 16/2/21l)

 

Cuiabá e Campo Grande tiveram queda de aproximadamente 16ºC entre a tarde do dia 5 e a tarde de 6 de maio.

 

E vem mais frio hoje!

Os ventos frios que sopram do Sul já alcançaram o Centro-Oeste e nesta sexta-feira, 7 de maio, devem atingir Rondônia e o Acre provocando o fenômeno da friagem. A friagem pode durar entre 3 e 4 dias e depois se dissipa, à medida que o ar se aquece.

 

 O fenômeno conhecido por friagem ocorre quando o vento de uma massa de ar de origem polar avança do sul da América do Sul e conseguem chegar ao Norte do Brasil, levando ar gelado que causa queda brusca na temperatura. Como o Centro-Oeste está no meio desse caminho, esta região também esfria e registra temperaturas mais baixas que a média. 

 

A partir desta sexta-feira, 7 de maio, os termômetros das capitais Rio Branco e Porto Velho podem marcar as menores temperaturas de 2021. Além disso, o Sudeste também terá sua cota de frio. Toda a faixa leste de São Paulo, Vales do Ribeira e do Paraíba, Rio de Janeiro e Serra da Mantiqueira sentem a mudança no tempo, com chance de chuva e acentuada queda da temperatura em relação à ontem. A diferença entre a tarde da quinta e a tarde desta sexta-feira pode chegar a aproximadamente 10ºC em vários locais. 

 

Recordes à vista em várias capitais

Esta sexta-feira, 7,promete vários recordes de frio em capitais do Sul, do Sudeste, do Centro-Oeste e do Norte do Brasil.

 

Porto Alegre e Florianópolis devem registrar a menor temperatura do ano até agora. A tarde desta sexta-feira deve ser a mais fria do ano em Curitiba.

São Paulo também deve ter a tarde mais fria até agora e a sensação térmica pode chegar aos 10°C

Em Campo Grande, Cuiabá  e em Rio Branco pode ocorrer o recorde de madrugada e de tarde mais fria do ano.

 

Fim de semana

O sábado ainda será muito frio no Sul do Brasil, mas no domingo já esquenta um pouco.

 

O fim de semana segue com temperaturas baixas, mesmo com aberturas de sol na capital paulista. Já no Rio de Janeiro, a chuva, o excesso de nuvens e o vento frio vão manter a sensação térmica baixa.

 

Em Mato Grosso do Sul, em Mato Grosso, em Rondônia e no Acre, a madrugada do sábado será fria, mas a tarde já terá temperaturas mais elevadas do que nesta sexta. A temperatura tem grande elevação no domingo.

 

Fique atento

 

O mar fica muito agitado hoje no Sul e no Sudeste, com risco de ressaca entre o Rio Grande do Sul e o sul de São Paulo

+ mais notícias