Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Rio Negro atinge a sexta maior cheia histórica

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

2 min de leitura

Foto: Cheia do Rio Negro em 2014, fonte: Prefeitura de Manaus.

Em nova atualização sobre o nível do Rio Negro, a medição chegou aos 29,55 metros em Manaus, esse valor já representa a sexta maior cheia da história desde o início dos registros, em 1902. Não somente Manaus, ao menos outros 22 municípios amazonenses foram afetados pela cheia dos rios.

Toda a cidade de Manaus está em situação de emergência, com ruas totalmente alagadas e intransitáveis. A situação é realmente grave, até mesmo os atendimentos médicos móveis são utilizados; produtores locais de hortaliças e bananas perdem suas produções, moradores de alguns bairros só conseguem se locomover de canoas e muitos dependem de pontes de madeira  para atravessar a cheia. 

As bacias hidrográficas dos Rios Negro, Solimões e Amazonas apresentam situações críticas e o volume pode subir ainda mais nas próximas semanas. Em 2012, ano da cheia histórica, o nível do Rio Negro era de 29,97m, hoje o nível de água alcançou os 29,55, faltam apenas 42 cm para igualar com a marca histórica de 2012. 

A previsão para os próximos dias é de mais chuva na região. Até o domingo (16) previsão de mais 60mm de chuva em Manaus.


Próximos dias

Durante a semana que vem, a chuva continua e até o final do mês a metade norte do Amazonas deve receber entre 100 e 150mm de chuva. A média Climatológica de Manaus é de 247mm para maio, até ontem (11), o município já acumulava 135mm. Neste ano, o mês de março foi o mais chuvoso, com quase o dobro da média para o período: o acumulado foi de 587mm contra a climatologia de 300mm.

WhatsApp Image 2021-05-12 at 13.02.19.

+ mais notícias