Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Atenção para chuva persistente no litoral de SP

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Foto: Matinhos (PR), por  Rafael Nascimento

5 min de leitura

 

 

Esta é a última quinta-feira do outono está terminando. O inverno começa oficialmente à 00h32 da segunda-feira, 21 de junho, hora de Brasília.

 

Uma frente fria chegou na noite de ontem (16) a São Paulo e agora está avançando pelo Rio De Janeiro. Até a noite, ela fica próxima do litoral do Espírito Santo e do sul da Bahia. A passagem deste sistema provocou chuva volumosa no litoral paulista especialmente entre o litoral sul e a Baixada Santista. Entre 19h de quarta-feira (16) e 06h desta quinta (17), foram acumulados quase 68mm no Guarujá e 62mm em Peruíbe, sendo que a maior parte da chuva caiu apenas entre 20h e 22h de ontem. Outras cidades como Santos, São Vicente, Bertioga e Praia Grande acumularam entre 35 e 40mm.

 

Esta frente fria também deixou muita nebulosidade sobre parte do interior do Sul do Brasil e em Mato Grosso do Sul.

 

Uma massa  de ar seco predomina sobre a maioria das áreas do Centro-Oeste, do interior do Sudeste e do Nordeste e também do Tocantins e sul do Pará, evitando a formação de nebulosidade.

 

Nuvens carregadas crescem sobre muitas áreas do Norte do Brasil onde há  concentração de ar quente e úmido.

 

Previsão do tempo para 17/06/2021 - quinta-feira

 

A maioria das áreas da Região Sul tem uma quinta-feira com muitas nuvens e períodos com sol. Pode chover fraco ou chuviscar no litoral do Paraná, no litoral de Santa Catarina e no Vale do Itajaí. O litoral gaúcho pode ter chuva fraca. Há condições para geada na Campanha Gaúcha e na região da Depressão Central. O ar frio de origem polar fica sobre o Sul do Brasil e deixa a temperatura baixa.

 

Até às 3 horas da madrugada, o Instituto Nacional de Meteorologia havia registrado -1,0°C em Bom Jardim da Serra (SC), 0,7°C em Cambará do Sul (RS) e 3,9°C em General Carneiro (PR).

 

Inverno começa frio no Sul do Brasil. Veja a previsão!

 

Na Região Sudeste, o sol predomina no centro-norte de São Paulo, no centro-oeste e no norte de Minas Gerais. A temperatura fica alta à tarde nestas áreas. O tempo fica chuvoso no litoral de São Paulo, com chuva persistente e moderada de manhã. O litoral do Rio de Janeiro tem chuva fraca a moderada, muitas nuvens e um pouco de sol. No oeste, sul e leste de São Paulo, no interior do Rio de Janeiro, no Sul de Minas, na Zona da Mata Mineira, no Vale do Rio Doce e no Espírito Santo, o sol aparece entre muitas nuvens e a temperatura fica amena, mas não tem previsão de chuva. 

 

A maioria das áreas da Região Centro-Oeste do Brasil tem uma quinta-feira com sol forte e calor. Muitas nuvens se espalham sobre o Mato Grosso do Sul e pode garoar nas áreas de fronteira com o Paraguai.

 

Saiba a tendência para o inverno 2021

 

A maioria das áreas da Região Norte do Brasil tem sol e pancadas de chuva com raios principalmente à tarde e à noite. Dia de sol e sem chuva no Tocantins, no sul e leste do Pará.

 

Na Região Nordeste , o sol predomina no interior da Bahia e no litoral norte baiano, em Sergipe, no sertão de Pernambuco e do Ceará, no centro-sul do Piauí e do Maranhão. Há condições para pancadas de chuva no decorrer do dia nas demais regiões do Nordeste, mas com a presença do sol 

 

 O SOS do oceano é para todos nós!

 

Alertas meteorológicos para 17/06/2021

 

Alerta para temporais no noroeste do Amazonas e em Roraima, em toda a faixa litorânea do Amapá, do Pará e do Maranhão.

 

Atenção para chuva moderada a forte e com raios no norte e oeste do Pará, no interior do Amapá, no centro e norte do Amazonas.

 

Atenção para chuva moderada no litoral de São Paulo e de Alagoas.

 

Atenção para o ar seco, com níveis de umidade entre 20% e 30% no norte e oeste da Bahia, no sul do Maranhão, no centro-sul do Piauí, no oeste, centro, sul e leste do Tocantins, no norte de São Paulo, na faixa centro-oeste de Minas Gerais, em Goiás, no sul e leste de Mato Grosso e no norte de Mato Grosso do Sul.

+ mais notícias