Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Você sabe o que é uma rajada de vento?

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

4 min de leitura

Foto: iStock

 

O vento é o movimento do ar.  O que chamamos de vento nada mais é do que o resultado do deslocamento do ar. Quando o ar está quase "parado", não temos vento. Esta é a situação da calmaria e nem a vegetação se movimenta.


Condições de vento constante são diferentes da chamada rajada de vento. A rajada de vento vem de um movimento brusco e repentino do ar, ou seja, um vento de curta duração, que em geral dura menos de 20 segundos, com velocidade de pelo menos 18,5 km/h ( cerca de 10 nós) maior do que a média de velocidade que vinha sendo sendo observada antes dela acontecer. Rajadas de vento podem ser suficientemente fortes para arrancar certas árvores do chão!

 

Rajada de CB


As nuvens do tipo cumulonimbus (Cb, na forma abreviada), se formam facilmente nos meses de verão devido à grande disponibilidade de calor e de umidade na atmosfera. São elas as responsáveis pelos temporais.  

 

As nuvens do tipo Cb podem provocar rajadas de vento muito fortes! Durante a passagem destas nuvens, é comum a ocorrência de chuva forte, raios e trovões. Também pode ocorrer a queda de pedras de gelo, que é o granizo, e ventar muito forte. As rajadas de vento provocadas pelas nuvens cumulonimbus, podem até passar dos 100 km/h! Por isso estas nuvens podem causar muita destruição.

 

Dependendo da velocidade, as rajadas de vento provocadas por nuvens cumulonimbus podem destelhar casas, arrancar placas de propaganda, quebrar galhos grandes de árvores e até arrancar algumas árvores pela raiz. Existe uma escala própria que mede o vento e seus impactos. É a Escala Beaufor!

 

Escala Beaufort

 

A escala internacional de vento conhecida como escala Beaufort foi originalmente criada pelo irlandês Francis Beaufort (1774-1857), que foi capitão e hidrógrafo na Marinha Real Britânica. Esta escala associa uma velocidade de vento de acordo com o efeito sobre a superfície do mar e nas velas dos veleiros usados na navegação marítima na sua época. Posteriormente foi feita uma correspondência da escala Beaufort para a superfície terrestre.

 

Veja como é a estimativa da velocidade do vento através dos danos causados em superfície e do estado do mar.

 

1e4b254a97b43e1e78995daa496027f7

 

 

Dowburst, macroburst, microburst e tornados


Algumas nuvens cumulonimbus podem provocar ventanias especiais como downburst, macroburst, microburst e tornados. Todos estes são fenômenos especiais associados às intensas rajadas de vento das nuvens de tempestade.

 

fdc05c93ba099348e92ceecc9feb6034

 

Saiba as diferenças entre furacão e tornado

 

O anemômetro é o instrumento que mede a velocidade e a direção do vento. O anemógrafo é um aparelho que mede e registra a velocidade e a direção do vento. Por causa da limitação deste aparelho, nem sempre conseguimos medir efetivamente a velocidade do vento, pois o aparelho pode até ser destruído pela força do vento. Mas é possível estimar a velocidade pelos danos causados em superfície.

 

+ mais notícias