Ícone de alerta
Alerta anterior Próximo alerta Fechar alerta

Região Sul terá chuva após calor de 41°C no Rio Grande do Sul

Compartilhar Compartilhe no Whatsapp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter

Foto: Porto Alegre (RS), por Vanessa Gehm

3 min de leitura

Foto: Porto Alegre (RS), por Vanessa Gehm

 

O Rio Grande do Sul voltou a esquentar de forma acentuada nos últimos dias de janeiro e registrou temperaturas acima dos 40°C na quarta-feira, 2 de fevereiro. O Instituto Nacional de Meteorologia registrou 41,2°C em Quaraí e 40,9°C em Uruguaiana, as duas cidades na fronteira com o Uruguai.


As 5 maiores temperaturas no Brasil no dia 2 de fevereiro de 2022 foram registradas no Rio Grande do Sul, mas o calor vem aumentando também no oeste de Santa Catarina e do Paraná. O Epagri-Ciram registrou 38,6°C em Itapiranga e o Inmet mediu 34,5°C em Foz do Iguaçu.

 

5 maiores temperaturas no Brasil em 2/2/2022 (Inmet)

 

Quaraí (RS): 41,2°C

Uruguaiana (RS): 40,9°C

São Luiz Gonzaga (RS): 39,6°C

Alegrete (RS): 39,6°C

Santiago (RS): 38,7°C

 

Com o calor intenso, o número de focos de fogo tem aumentado no Sul do Brasil. No período de 1/1/2022 a 2/2/2022, o Rio Grande do Sul 184 focos, contra 55 no mesmo período de 2021. O aumento foi de 234%.

 

Chuva à vista

 

O calor deve diminuir nos próximos dias com o aumento da nebulosidade e pancadas de chuva. A chuva virá com a intensificação de um sistema de baixa pressão atmosférica sobre o Paraguai a partir desta quinta-feira, 3 de fevereiro. 


Pancadas de chuva se espalham sobre os três estados da Região Sul nesta quinta-feira e há risco de chuva forte no centro, sul e oeste gaúcho, no oeste de Santa Catarina e do Paraná. O oeste paranaense deve acumular mais chuva do que as outras áreas.

 

Raio mais rápido do mundo ocorreu na Argentina

 

Maior risco de temporais na sexta

 

Na sexta-feira, 4, as áreas de instabilidade se intensificam e o risco de temporais é maior em toda a Região Sul. 


No próximo fim de semana, uma frente fria se organiza na costa gaúcha e ajuda a provocar mais chuva no sábado, mas no domingo, 6 de fevereiro, o Rio Grande do Sul começa a secar novamente.

 

Participe da pesquisa sobre conscientização do perigo de raios

+ mais notícias