Duas frentes frias e pouca chuva para São Paulo

24/07/2020 às 22:35
por Redação

Oferecimento
Em 24 dias choveu cerca de 2 mm, apenas 5% da média de chuva normal para julho. Saiba as chances de chuva na capital paulista até o fim do mês.

São Paulo, junto com Palmas, foi a  terceira capital mais seca do Brasil na sexta-feira, 24 de julho, com apenas 25% de umidade no ar às 15 horas, pela medição do INMET - Instituto Nacional de Meteorologia. A capital mais seca foi Goiânia, com 21% e, em segundo lugar, Campo Grande, com 24%. 

 

Foi mais uma prova da secura do ar que os paulistanos enfrentam desde o início de julho. Em 24 dias, a umidade relativa do ar às 15 horas superou a marca dos 60% apenas três vezes. Pela medição do INMET, a média da umidade relativa do ar às 15 horas de 1 a 24 de julho foi de aproximadamente  39%.

 

O total de de chuva acumulado em 24 dias foi de 2,2 mm e, se julho de 2020 terminasse agora, teria apenas 5% da média de chuva normal para julho, que é de 48 mm.

 

 

Foto de Angela Ruiz, São Paulo (SP)

 

 

 

Duas frentes frias e pouca chuva

Mais duas frentes frias ainda devem passar sobre São Paulo até o fim de julho, mas não devem provocar muita chuva sobre a região da capital ou do estado de São Paulo, de forma geral.

 

O último fim de semana de julho terá um sábado quente na cidade de São Paulo e um domingo friozinho, mas a temperatura volta a subir na segunda-feira. Apesar do aumento da nebulosidade, a chance de chuva é baixa.

 

Confira como será o fim de julho em São Paulo na análise da meteorologista Josélia Pegorim.

 

 

 

 

Leia também

 

Julho seco e quente em São Paulo

 

Aparelhos que mais consomem energia elétrica no inverno

 

Startup conecta produtores e consumidores de energia renovável

 

 

CIDADES RELACIONADAS

Palmas - TO

19°
min

34°
max

0mm / 0%

São Paulo - SP

13°
min

20°
max

2mm / 40%