Friagem já é sentida no Acre e em Rondônia

31/05/2017 às 16:46
por Maria Clara Machado

Oferecimento
Frio vai aumentar e há chance de novos recordes.

O ar polar de uma grande frente fria que avança pelo centro-sul do Brasil, já chegou aos estados do Acre e Rondônia. A queda de temperatura nessas áreas é conhecida como friagem e acontece toda vez que uma forte massa polar consegue avançar pelo país e atingir a Região Norte. 

 

A tarde desta quarta-feira (31) já foi mais fria em Vilhena, no sul de Rondônia. Por volta das 14 horas, horário local, a temperatura estava em 21°C, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET). Foram quatro graus a menos do a tarde de terça-feira (30). 

 

Possibilidade de recordes de frio

Nesta quinta-feira (1), o frio vai aumentar sobre o Acre e Rondônia. A presença do ar polar derruba mais as temperaturas e a capital Porto Velho (RO) pode ter a madrugada mais fria de 2017. Rio Branco (AC) é outra capital que pode bater recorde e registrar a tarde mais fria do ano, avisam os meteorologistas. As temperaturas vão caindo na cidade ao longo do dia.

 

A grande frente fria aumenta a instabilidade principalmente sobre o Amazonas, o oeste do Acre, na região de Cruzeiro do Sul, e também sobre Porto Velho (RO). O céu fica com muitas nuvens e há previsão de várias pancadas de chuva. O risco de chuva forte com rajadas de vento é maior sobre o norte do Amazonas.

 

O contraste das temperaturas vai ser grande sobre o Norte nesta quinta-feira. Enquanto o Acre e Rondônia sentem a friagem, o sul do Pará e o Tocantins, em especial, terão muito calor e tempo seco. Em Palmas, a temperatura máxima fica em torno dos 36°C. Também faz calor no centro-norte do Pará, no Amapá e em Roraima, que terão algumas pancadas de chuva com raios. 

 

Saiba mais sobre o fenômeno da friagem!  

  

CIDADES RELACIONADAS

Palmas - TO

19°
min

34°
max

0mm / 0%

Porto Velho - RO

21°
min

31°
max

6mm / 67%